Notícias  » Jogos

Fiorella perde a cabeça e entrega vitória para Fora de Série

       

Com desentendimentos com a arbitragem, diversos desfalques e punições, Fiorella sofre goleada há tempos não vista
Fiorella, um time de tradição no campeonato, fez feio na partida contra o Fora de Série, pela 4ª rodada do Chuteira de Ouro. Devido a desfalques importantes, como os casos de Helinho e Edson Claro, e desentendimentos com os árbitros, o elenco perdeu a cabeça e teve diversos jogadores punidos, o que facilitou a vitória do Fora de Série por 4 a 1.

Nos primeiros minutos, ambos times atacavam a fim de abrir o placar. Logo no início, Tigu chutou de longe rasteiro no canto, obrigando Coqueiro a fazer boa defesa, mandando para escanteio. Já o Fora, respondendo a altura, logo em seguida levou perigo com Masson que, em jogada individual, passou por um puxando para a direita e chutou cruzado ao lado do arco.

Com o passar do primeiro tempo, não se via nenhuma superioridade por parte dos dois times. Ambos jogavam de igual para igual. Aos 7 minutos, em chute de longa distância do habilidoso Segawa, que ia ao lado do gol com certo perigo, Masson, camisa 10 do Fora de Série, desviou de cabeça e quase abriu o placar.

Do outro lado, foi a vez do camisa 10 do Fiorella, Gabriel Salvador, mostrar categoria. Em rápida puxada para a esquerda, o atleta soltou o pé cruzado e obrigou Coqueiro a fazer boa defesa.

Com tantas oportunidades criadas, o primeiro gol veio à tona, e foi a favor do Fiorella. Próximo aos 10 minutos, Gabriel Salvador recebeu dentro da área e puxou para a direita, encheu o pé cruzado e alto, impossibilitando qualquer chance de defesa e colocando o Fiorella em vantagem por 1 a 0.

Após o gol, o Fora começou a ir para cima do seu rival a todo custo, em busca do empate. Em jogada área, Deco recebeu cruzamento dentro da área e testou firme com perigo ao lado do gol. Do outro lado, tentado evitar o bom momento do Fora de Série, o qualificado Gabriel, após receber pelo lado direito, puxou e chutou cruzado com força, mas foi brecado por Coqueiro mais uma vez.

Não se deixando levar pelo Fiorella, o Fora de Série continuou indo para cima. Em falta muito reclamada pelo Fiorella, Masson mandou por cima do arco com perigo. Em seguida, em bola sobrada no ataque, ele soltou uma paulada no canto, mas como um gato, Serafim saltou e defendeu, impedindo o empate.

Faltando 5 minutos para o término parcial, Rogério, que estava fazendo boa partida, meteu a mão na bola quase dentro da área, oferecendo uma chance de ouro para o Fora de Série. Entretanto, Masson desperdiçou a boa oportunidade, mandando a redonda na barreira. Em seguida, brecando um contra ataque perigoso, Rodrigo acabou tomando cartão amarelo.

Aproveitando a vantagem numérica, no finalzinho do primeiro tempo, o Fora de Série, que pressionara seu rival durante boa parte do primeiro tempo, conseguiu igualar o placar com Dênis, que recebeu dentro da área cobrança de falta e chutou de prima no canto direito, matando Serafim.

No último lance do primeiro tempo, o Fiorella quase surpreendeu. Em jogada rápida, José Roberto recebeu na frente e ajeitou caindo, na raça, para Rogério, que chegava de trás. De biquinho, ele chutou rasteiro e acertou a trave, por pouco não colocando seu time em vantagem novamente.

No segundo tempo, do começo ao fim, o Fora de Série mostrou superioridade, principalmente porque por boa parte dos 25 minutos o time jogou com mais jogadores devido a desentendimento entre a equipe do Fiorella e os juízes. Logo no primeiro lance, Masson foi servido na direita e chutou rasteiro e cruzado, virando a partida. Em seguida, com todo gás, Gabriel lançou Jhoni, que dominou dentro da área mas acabou mandando por cima.
Entretanto, mostrando que não é flor que se cheire, o Fiorella quase empatou o jogo em boa cobrança de falta de Bocão. A zaga do Fora conseguiu tirar em cima da linha. Em seguida, após passe de Rogério, Bocão ficou cara a cara com Coqueiro, mas acabou chutando em cima do arqueiro.

Com o relógio marcando 10 minutos, em bonita jogada individual, Masson driblou dois mas não pegou tão bem na bola, mandando para fora. Alguns minutos depois, começou o papelão do Fiorella. Jhoni, após roubar a bola de Rogério, dividiu forte com Serafim já dentro da área. O juizão entendeu como lance normal de jogo. Após a dividida, ele ficou livre de marcação para marcar o terceiro do Fora de Série. 3 a 1.

Após tomar o gol – que foi extremamente reclamado por parte do Fiorella – a equipe acabou tomando cartão amarelo devido a forte entrada de Tigu em cima de Jhoni. Serafim, revoltado com as marcações dos árbitros, perdeu a cabeça e foi reclamar ainda mais, peitando os juízes. Com isso, acabou tomando cartão amarelo e depois azul. Para completar, em falta claríssima que até fez um atleta do Fora de Série sair ferido de quadra, Tigu tomou azul.

Com vários atletas a menos, no final da partida, o Fiorella inevitavelmente tomou o quarto gol. Livre de marcação, Segawa recebeu dentro da área e chutou cruzado e rasteiro para fechar a goleada do Fora de Série em cima do Fiorella por 4 a 1. Ainda houve tempo para os jogadores azulados invadirem a quadra para reclamar, o que acarretou no cartão vermelho aos dois jogadores e provavelmente uma punição de pontos à equipe, conforme Código Disciplinar do Chuteira.

Com a vitória, o Fora de Série sobe para a terceira colocação do Grupo A, enquanto o Fiorella caiu para sétimo. Na 5ª rodada, o Fiorella enfrenta o Acidus, que está em péssima fase, segurando a lanterna da competição junto com o The Veras. Já o Fora de Série Coringa, quarto colocado, do habilidoso Silas.

Ficha técnica

Fora de Série 4 x 1 Fiorella – 4ª rodada do XVI Chuteira de Ouro

Gols: Dênis, Masson, Jhoni e Segawa (FdS); Gabriel Salvador (F)

Cartões amarelo: Tigu, Serafim, José Roberto e Rodrigo Macaro (F)

Cartão azul: Tigu e Serafim (F)

Cartão vermelho: Tigu e Serafim (F)
 
MVPS: 1 – Masson (FdS), 2 – Gabriel Salvador (F), 3 – Segawa (Fds)

Comentários

Total (0)