Notícias  » Jogos

KIWI NELES!

       

Kiwi larga na frente ao derrotar Galatasadry, que podia ter atacado mais
A volta aos gramados é sempre especial. Galatasadry e Kiwi fizeram um grande jogo na manhã de sábado, mesmo debaixo de muito sol. A partida, vencida pelo Kiwi pelo placar de 2 a 1, foi marcada pelo equilíbrio no meio de campo e pela intensidade de ambas as equipes. O Kiwi ficou com a vitória no final, enquanto o Galata saiu com um gostinho de que podia ter se arriscado mais no ataque.
 
Desde o pontapé inicial notava-se uma vontade a mais. Os dois times tentavam se superar na base da entrega, da disposição. Era possível perceber as equipes marcando pressão, tentando dificultar a saída de bola adversária, o que resultou em pouca criação ofensiva no início.
 
O primeiro lance mais plástico da peleja veio com Bomba. O camisa 9 do Kiwi aproveitou o bate-rebate e buscou um passe de calcanhar, mas o lance não teve sequência. No lance seguinte, Simonsen tentou dar a resposta e isolou. 
 
O Galatasadry tentava furar a pressão do Kiwi aos poucos. Em bela tabela com Linge, Caio fez o pivô e o camisa 10 bateu fraco. Era notório um destaque maior do lado das defesas. Simonsen executou desarme espetacular e deu pra Linge, que só foi parado com falta de Alemão. Na cobrança, Linge isolou e acabou ouvindo uma bronca do goleiro Yama. Parece que o goleirão não queria o chute direto. 
 
O Kiwi começou a se soltar e criou uma boa sequência de chances. Ao receber de Alemão, Lipe foi travado na hora H por Caio – a oportunidade era grande! Alemão bateu de fora e Yama cedeu escanteio. No decorrer da jogada, foi Stein que experimentou de longe, mas o desvio fez a bola chegar mansa nas mãos de Yama. 
 
Após boa jogada de Guga, ele mesmo sofreu e cobrou uma falta no campo ofensivo, exigindo boa defesa do goleiro Guigo, de pouco trabalho na primeira etapa. Depois da tentativa, era possível escutar o banco de reservas do Galatasadry pedindo pro time “chutar mais pro gol”. Ou seja, colocar o Guigo pra trabalhar! E isso até aconteceu. Léo arriscou e não criou problemas para Guigo, que defendeu com segurança. 
 
O primeiro gol da partida amadurecia. Raio ajeitou de letra para Stein, que só foi parado graças a dura falta de Nathan. Na batida, Stein encheu o pé para abrir a contagem. Lindo chute cruzado do camisa 8, sem chances para Yama. 1 a 0 praticamente no último lance do primeiro tempo!
 
Após uma primeira etapa truncada, era esperado que o Galatasadry fosse pra cima na segunda. Mas não foi bem isso que aconteceu. A peleja permaneceu da mesma forma: muita intensidade, disposição, mas poucos gols. Mesmo assim, teve emoção. Guga trabalhou com Caio e obrigou Guigo a fazer boa defesa. No contra-ataque, Soga saiu costurando todo mundo (até derrubou a caneleira!) e ganhou um escanteio pro Kiwi após ter seu chute desviado. 
 
Pressão do Kiwi!! Kant quase ampliou de cabeça, mas a bola beliscou o travessão e foi pra fora. Em outra tentativa de Alemão, Yama defendeu sem dar rebote. E não ficou por aí. Raio foi fortemente derrubado por Simonsen. Na cobrança, Bomba carimbou a barreira.
 
Os lances mostram como o Kiwi foi melhor no segundo tempo, por mais que o placar não refletisse. Só que o adversário estava longe de estar neutralizado. Em uma excelente construção ofensiva de Linge e Léo, Guga finalizou com perigo. O Galatasadry esboçava uma postura diferente, mas continuava sofrendo nas puxadas de contra-ataque. Quase Zit anotou o segundo. Yama defendeu.
 
O jogo era lá e cá! Nathan aproveitou a sobra de bola e obrigou Guigo a fazer ótima intervenção após finalização de pé direito. Importante ressaltar a bela atuação defensiva de Alemão. O camisa 6 do Kiwi deu inúmeras travadas fundamentais e foi muito bem nas coberturas. Além dele, Guigo também merece destaque, mesmo aparecendo pouco. Sua presença foi importante, como na defesa que fez de chute de Falzoni, evitando o empate. 
 
Com o jogo se caminhando pro final, o Kiwi desperdiçou chance de ouro. Primeiro com Raio, que ficou sozinho dentro da área e chutou em cima de Yama! No rebote, Lipe chegou com tanta vontade que acabou isolando sem goleiro! Raio cresceu no final da partida. Primeiro ele acionou GB e o camisa 2 perdeu a chance. Depois, não satisfeito em roubar a bola, ele serviu Balda com um passe magistral de calcanhar. O camisa 10 bateu com desvio e encobriu o goleiro. 2 a 0 faltando 2 minutos! Um gol para coroar o segundo tempo melhor da equipe verde. No entanto, o jogo só acaba quando termina!!
 
Linge chamou a responsabilidade e tentou conduzir o Galatasadry à reação relâmpago. Obrigou Guigo a fazer grande defesa e, na sequência, anotou o gol de honra. Trouxe da ponta pro meio e arriscou de longe. Pena que o gol foi marcado a menos de 10 segundos do fim. 
 
O Kiwi testa sua força ante o Mob na manhã de sábado dia 21, abertura da 2ª rodada. Já o Galatasadry encara o Tiki Taka, à tarde.
 
Ficha técnica
 
Galatasadry 1 x 2 Kiwi – 1ª rodada da VII Copa Estrelato
 
Gols: Stein e Balda (K); Linge (G) 
 
MVPs: 1 – Alemão (Kiwi); 2 - Stein (Kiwi); 3 - Raio (Kiwi)

Comentários

Total (0)