Notícias  » Jogos

PASSEIO COM MAESTRIA!

       

Danonight não toma conhecimento do Maestria, passa por cima e chega 100% no mata-mata
Antes do início da competição, muitos olhavam para a tabela de jogos do Grupo A do Chuteira 5 e pensavam: essa última rodada deve ser a decisão do grupo. Pois é, não foi muito bem assim. Já sem possibilidades de alcançar a liderança, o Maestria foi pra cancha com um time bastante modificado e acabou tomando uma sonora goleada. Após um primeiro tempo em que ainda tivemos jogo, o Danonight deslanchou de vez na etapa final e aplicou 8 x 1!
 
No apito da juizada, o melão começou a rolar sob forte calor. O uniforme todo preto do Maestria dava calor só de olhar, ainda mais depois dos primeiros três minutinhos. Aquelas clássicas voltas no ponteiro do relógio para ver qual é a do adversário. Muita disputa e pouca bola no chão. Até que, na primeira real boa chegada, o Danonight já saiu na frente. Caio Mena rolou para o meio da área, K10 chegou batendo travado, mas a bola ficou oferecida para o próprio K10 fazer 1 x 0! Começo importante para o Danonight, que via seu camisa 10 anotar mais um tento! 
 
Sem tempo de lamentar o gol sofrido, o Maestria tratou logo... de ir sofrendo o segundo! Bruninho deu bom passe para K10 tentar marcar o seu segundo na partida. Bona deu rebote e viu Gagol só conferir para a caixa. 2 x 0! Com pouco mais de cinco minutos o placar já demonstrava a superioridade do Danonight, que mal deixava o Maestria atacar.
 
Aliás, obviamente sentido falta de Ytalo, o Maestria sequer ameaçava. Soga tentou levar perigo pela primeira vez, mas a bola bateu no seu próprio companheiro, Buza, que passava na frente! Haja entrosamento! No lance seguinte, finalmente um chute que exigiu boa defesa de Johnny. Perna arrematou de longe e a bola iria no cantinho esquerdo, não fosse a intervenção do camisa 20. Na resposta, Rodrigo, que havia acabado de entrar (literalmente!), recebeu pivôzinho de Gagol e bateu de esquerda para ótima defesa de Bona! 
 
Não demorou muito para sair mais um gol. Com uma marcação frouxa, o Maestria deu muito espaço para Caio Mena, que invadiu a intermediária e finalizou de biquinho, tal qual uma tacada de sinuca, para colocar no cantinho e abrir 3 x 0 com menos de 12 minutos! 
 
Querendo ou não, por mais que ainda tivéssemos mais de trinta minutos de futebol por jogar, o resultado da peleja parecia que já tinha sido definido, tanto que o Danonight tirou um pouco o pé. O próprio Bona, goleiro titular, saiu para outro compromisso com a partida ainda no primeiro tempo, deixando claro que o Maestria não estava se importando muito, mesmo que existisse o risco de ser quarto colocado. 
 
Caio Mena tentou dar outro biquinho, aproveitando que Ravioli ainda estava frio, mas o arqueiro pegou com facilidade. Simonsen, Soga e Perna tinham muitos problemas para trocar passes, eles estavam errando até os mais simples, de 2 metros. Em um deles, a bola foi recuperada e chutada por Guigou, mas Ravioli mandou pra escanteio. Na cobrança, Zeppini voou e cabeceou pra fora! Após mais algumas tentativas frustradas do Maestria, a juizada encerrou a primeira etapa! 3 x 0 fora o baile! 
 
Na volta, tivemos um verdadeiro amistoso. A goleada elástica foi se construindo com naturalidade, por mais que o Maestria tenha sido o primeiro a marcar. E até começou buscando mais, mas esse ímpeto não durou mais do que cinco minutos. Primeiro, Perna arrematou de longe e isolou. Na sequência, o próprio Perna tentou sair jogando, pisou na bola de uma maneira bizarra, Bruninho roubou e acertou a trave de Ravioli! 
 
Com esses minutos de lá e cá, Buza acionou Soga, que rapidamente avistou a chegada de Simonsen e deu belo passe para ele chegar chapando, sem chances para Fidel. 1 x 3! Um dos poucos lances bonitos do Maestria na pelada. Entretanto, se o jogo já estava basicamente definido, esse gol passou uma falsa impressão de que podíamos ter uma disputa. 
 
Depois desse gol, praticamente só deu Danonight. Dois minutinhos depois de sofrer o tento, e se aproveitando da desorganização do Maestria, Bruninho chegou pela direita e anotou o quarto gol no momento em que o adversário fazia uma alteração, todo confuso em quadra. 4 x 1! 
 
Além de frear uma possível reação, esse gol serviu para abrir a porteira na etapa final. Para não perder o costume, Gagol ainda perdeu um gol daqueles inacreditáveis depois do passe magistral de K10. Ele estava debaixo da trave e conseguiu errar! Daí em diante virou treino de luxo. 
 
Ravioli até que trabalhava bem e ia evitando uma goleada acachapante. Mama cortou pra dentro e finalizou para bela defesa do camisa 12 do Maestria! No escanteio, Quintal tentou o voleio e jogou por cima! Parecia questão de tempo. E foi.  Quintal fez jogada individual, chutou com desvio e a bola sobrou para Mama encher o pé! 5 x 1! 
 
Léo Braz chegou no fundo, cruzou pro meio e viu Zeppini quase marcar o dele, carimbando o pé da trave direita! Só dava Danone! E o que já estava ruim, ficou ainda pior quando saiu o sexto gol. Guigou resolveu arrematar de fora e viu Ravioli dar uma aceitadinha. 6 x 1! Que pesadelo para o Maestria! 
 
Nos últimos 10 minutos, podemos dizer que não aconteceu mais muita coisa, só dois gols do líder! Aliás, para não parecer que o Maestria não entrou em campo, Soga seguia tentando, mas seu pé também não estava calibrado. Enfim, em nova bela jogada de quintal pela esquerda, ele bateu cruzado e viu K10 aparecer na segunda trave para deixar o placar bonito. 7 x 1! 
 
Entretanto, Léo Braz queria deixar o seu e acabou tirando o fatídico 7 x 1 do placar. E foi um golaço! Ele recebeu na frente da área e colocou na gaveta, com classe! Ravioli ficou só olhando e tomou outro. 8 x 1! Fim de papo! 
 
Com o resultado, o Danonight se classifica como líder do grupo, com 100% e impressionantes 28 gols de saldo! Agora, o adversário será o Oscuro. Já o Maestria ainda viu o Real Migué tomar a terceira colocação na última rodada, e agora enfrentará a melhor defesa de todo o Chuteira de Ouro neste semestre: o Originais.  
 
Ficha técnica
 
Maestria 1 x 8 Danonight – Grupo A – Rodada final de classificação do Chuteira 100 | Chuteira 5 
 
Gols: Simonsen (M); K10 (2), Gagol, Guigou, Bruninho, Mama e Caio Mena (D)
 
Cartões amarelos: Zeppini e K10 (D)

MVPs: 1 - K10 (Danonight); 2 - Caio Mena (Danonight); 3 -  Bruninho (Danonight)

Comentários

Total (0)