Notícias  » Jogos

Resenha é o time da virada!

       

Mesmo sem Uccella e Melki, resenheiros passam pelo Fúria com shoot out no último lance
O Só Resenha segue 100% no Chuteira de Ouro. No último sábado, mesmo sem os craques Uccella e Jorge Melki, o alviverde bateu o Fúria por 3 x 2, de virada, e chegou aos mesmos 12 pontos do CAV, líder do grupo pelos critérios de desempate.
 
O Fúria, porém, não foi um adversário fácil. O começo do jogo, contudo, foi morno, embora o Resenha jogasse um pouco melhor. Na primeira oportunidade de gol, Fábio Caruzo defendeu chute de Alexandre. Duzinho também arriscou para o Resenha, da esquerda, batendo um pouco alto, pra fora. Depois Alexandre deu bom passe pra Fabinho, que encontrou Cidão na área, mas o chute encobriu o travessão.
 
Já na primeira subida do Fúria, caixa: Adriano Motta abriu pra Bruno Gladiador na direita, que bateu cruzado; Luis Henrique defendeu, mas Motta pegou a sobra e fez. Adriano Motta poderia fazer o segundo pouco depois, mas teve a camisa puxada por Alexandre. O juiz não viu. Caue tentou o empate batendo falta e errou. Depois Cidão deu grande drible em Leo e bateu forte, mas Fábio Caruzo defendeu.
 
Bruno Gladiador quase aumentou a vantagem do Fúria: ele puxou contra-ataque em velocidade e saiu sozinho na cara de Luis Henrique, que saiu bem e defendeu usando as pernas. Deh arriscou de fora da área e a bola passou a esquerda. O Só Resenha foi pra cima, mas a defesa furiosa fazia um bom primeiro tempo. Fabinho conseguiu furá-la e bateu da esquerda, mas Caruzo defendeu. Depois o xerifão recebeu de Cidão e chutou forte, mas a zaga tirou. Duzinho tentou de cabeça no último lance do tempo, mas o Fúria foi pro intervalo vencendo.
 
O segundo tempo já começou eletrizante. Bahia bateu forte da direita e quase empatou. Fah respondeu tentando um pombo sem asa lá da defesa, mas Luis Henrique estava esperto; Papai do Axé também arriscou e mandou pra fora. Fabinho tentou da faixa intermediária, só que foi barrado por Paulo Pedro. Bahia chutou de longe novamente, mas a bola não entrou.
 
O empate veio aos 7, e pelos pés do camisa 7, Reyna. Ele recolheu na defesa e disparou em direção ao gol de Fábio Caruzo, que não teve chances. O Fúria reagiu e Fah fez boa enfiada pra Felipe Arce, mas este não aproveitou. Bruno Gladiador e Papai do Axé fizeram boa tabela, mas foram impedidos por Bahia. Em seguida foi Fabinho quem serviu Matheus, e dessa vez foi Dias quem barrou.
 
Fazendo as vezes de maestro, Fabinho deu passe pra Duzinho, que invadiu a área e perdeu pra Fah. Depois Bruno Gladiador alçou para Adriano Motta, que tentou uma bike. Já Cidão disparou da defesa resenheira e assustou Fábio Caruzo. Motta sofreu falta de Bahia próximo à área, mas Papai do Axé bateu mal. O placar só foi alterado aos 15, quando Cidão deu grande passe pra Duzinho cortar o marcador e colocar no cantinho de Caruzo, virando a parada.
 
Depois do gol houve um incidente nebuloso envolvendo o juiz e alguns jogadores do Fúria; Bruno Gladiador foi expulso e vários jogadores, amarelados. Depois de uma longa pausa a bola rolou novamente e Alexandre bateu de fora da área, pra fora. Duzinho quis deixar seu segundo, mas Gabriel Carnaval tirou. Cidão quase fez o terceiro, batendo de chapa. Pouco depois Duzinho chegou forte (mas nem tanto!) em Fah e foi mandado pra rua.
 
O relógio já marcava 23 quando Papai do Axé deixou tudo igual: Fah tentou, a bola desviou e caiu nos pés do centroavante, que não perdoou. O empate parecia definitivo até os 25, quando Alexandre partiu em contra-ataque e foi puxado por Adriano Motta, que também levou amarelo; Fah ainda tentou cavar a expulsão de Joelson, mas não enganou ninguém. Na cobrança da falta, Cidão bateu com categoria, colocou no canto esquerdo e garantiu mais três pontos pro Resenha. Trovão vibrou como menino o triunfo.
 
Vice-líder, o Só Resenha pega o É Verdadeee (sétimo) na quinta rodada. Já o Fúria está flertando com a zona de rebaixamento, é o oitavo e pega o TáLigado, terceiro.
 
Ficha Técnica
 
Só Resenha 3 x 2 Fúria - 4ª rodada do XVIII Chuteira de Ouro
 
Gols: Reyna, Duzinho e Cidão (SR); Adriano Motta e Papai do Axé (F)
 
Cartões amarelo: Rodrigo, Adriano Motta, Bruno Gladiador, Fábio Caruzo e Papai do Axé (F)
 
Cartões vermelho: Duzinho (SR); Bruno Gladiador (F)
 
MVPs: 1 – Cidão (Só Resenha); 2 –Fabinho (Só Resenha); 3 – Fah (Fúria)

Comentários

Total (1)
  1. Luis Henrique Só Resenha 02-10-2014 14:46:25

    Grande vitória do Resenha, que com diversos desfalques importantes conseguiu a vitória.\r\n\r\npra não perder o costume e dar mais uma cornetada, o último gol do resenha se deu em uma falta onde o nosso camisa 7 no jogo (Reyna), tentou puxar o contra ataque e foi puxado pela camisa.\r\n\r\nGrande atuação do atleta do fúria que com um salto pra trás digno de ginasta medalista olímpico tentou cavar uma expulsão do nosso atleta.\r\n\r\nE sobre a expulsão do Duzinho, completamente injusta, nítido que o juiz caiu na pressão do banco do fúria que estava ali do lado.