Notícias  » Jogos

CLASSIFICAÇÃO ENTRE AMIGOS

       

Sexta-Feira chega muito desfalcado e, apesar de resistir, facilita trabalho do Entre Amigos para vencer o grupo
O jogo era dos mais esperados da rodada final – o confronto direto decidiria o líder do Grupo B. Só que na hora h ficou meio sem graça. O Sexta não tinha a maioria dos seus principais atletas e jogaria com apenas um jogador no banco de reservas (ao menos até a chegada de outros no decorrer da partida). Em compensação, o Entre Amigos tinha todo mundo lá, comprovando que o time que até então vencera 6 das 6 partidas disputadas não estava para brincadeira. O Sexta cozinhou o galo e segurou o ímpeto do adversário, mas a abertura do placar no minuto inicial da etapa final deixou claro que o jogo tinha dono.
 
O primeiro arremate a gol não demorou muito. Foi de Rod, de longe, no alto, que Frajola pegou e soltou quase no pé de Bruner, mas se recuperou e ficou com ela. Depois disso, muita disputa no meio de campo, um Sexta-Feira cadenciando o jogo devido à ausência de banco e um Entre Amigos apostando na paciência. Muitas faltas foram marcadas, e uma delas quase na linha da área que Bahia sofreu, ele mesmo bateu mal, na barreira. Em outra falta, a pancada foi tirada por Beto de cabeça praticamente na linha do gol! No escanteio do lance, cabeçada de Bahia quase na forquilha, fora.
 
O Sexta até que chegava, mas em chutes pra lá de tortos. O gol mesmo eles não acertavam. Cilento foi um deles, ao arrematar por cima do gol após falta (ah vá!) rolada no meio pra ele. Se não era na bola parada, era em erro. Passe errado atrás, Bahia roubou e dividiu com a zaga. Sobrou pra Bruner na área dividir com Frajola e perder a disputa.
 
Enquanto o Entre Amigos rodada muito o time – o banco era vasto, com 10 jogadores –, o Sexta muitas vezes buscava a ligação direta para Saraiva no pivô. O camisa 23 era o alvo e esperança da equipe, que não tinha Cury, Nieto, Lucão e Stefano, além de Marcelo, este suspenso. O baixinho recebeu, virou de frente, cortou pro lado e mandou chute rasteiro que o goleiro Pedrão pegou com o pé antes da zaga tirar!
 
Em nova investida de Saraiva, ele sofreu falta no ataque e Frajola correu querendo bater. O goleiro é bom batedor, mas Saraiva não quis nem saber e bateu no peito dizendo que era dele. Foi. E a bola ficou no pé da barreira... Nova falta nele! Agora próximo ao bico da área do lado direito. Era a quinta falta do EA. Beto desta vez foi quem bateu, buscando o ângulo do goleiro, e ela passou muito perto!
 
Os amigos não estavam mortos, apesar de terem sumido um pouco do campo de ataque. Quando chegaram, em toque de Chicha do meio para Bahia no pivô, o tiro do soteropolitano foi de três dedos e passou tirando tinta do ângulo! Aí Beto igualou tudo nas faltas: fez a quinta e ainda tomou amarelo ao matar contra-ataque aos 19 minutos. Toru bateu alto no meio e Frajola deu o soco pra tiro de canto. Bahia não pegou em cheio de cabeça e desperdiçou mais uma chance. Novo escanteio pra Bahia se redimir, e desta vez ele acertou a testada mas errou o alvo por muito pouco!
 
Os minutos finais da etapa foram de trash talk puro. Todo mundo falava, reclamava, queria a sexta falta e por aí foi até o apito final. Patrick e Bahia foram os reis do falatório, mas não arrumaram nada. De gol mesmo, que todo mundo queria ver, nadica de nada.
 
Ao menos nada até o segundo minuto da etapa final, quando enfim o Entre Amigos foi às redes. Bola pra área do Sexta, o grandão Diogo brigou por ela e chutou travado. A bola voltou pra ele e, de frente com Frajola, foi inteligente e rolou pra esquerda, pra Viola completar livre! 1 x 0!
 
O gol era o que o Sexta menos queria. O time fazia um jogo contido, mais segurando o adversário do que forçando no ataque. A intenção, parecia, era segurar pra tentar a estocada no final. Esse gol mudaria o panorama do jogo, que logo viu chance do Sexta com Renan pela esquerda. O 9 brigou, ganhou, bateu e ficou na zaga. Voltou pra ele e preferiu rolar pra Saraiva chutar com desvio para defesa de Pedrão.
 
Mais Sexta: chute de Beto pra fora após Saraiva ciscar pra todos os lados e optar por jogar pra trás. Do outro lado, Fumes achou Bruner na esquerda, que matou e podia ter chutado, mas esperou a passagem de Diogo pela direita e jogou bola longa demais. O Sexta ia comendo pelas beiradas e Fumes parou pedindo falta de Patrick, que tomou dele legalmente segundo a arbitragem e chutou com a zaga cortando. Escanteio e contra-ataque pra Diogo na direita, que jogou pra dentro da área. Hollywood arrematou e a bola passou raspando a trave.
 
Saraiva e Fumes discutiram e um prometeu o outro. Muito amor! Veio um pedido de tempo do Sexta, que na volta viu Patrick fazer falta em Fumes. Desforra?! Ele tomou o amarelo e Cris bateu em cima de Frajola. O rebote foi afastado pela defesa.
 
Mesmo perdendo, o Sexta não forçava. Segurava o jogo. O Amigos queria marcar mais um para relaxar. Para isso, promoveu a volta de Bahia, com fome de gol. E ele entrou e já foi tomando de Beto. Partiu com ela e só não anotou o seu porque Renan Moreira chegou esticando o pé para tirar antes do atacante! Que raça! Detalhe: isso se repetiu mais uma vez pouco tempo depois! Que homem esse Renan!
 
O outro Renan, o Rocha, queria era fazer um golzinho, mas seu chutinho rasteiro sofreu desvio e saiu perto da trave! Bahia ansiava por jogo e fez a parede de costas para Chicha chutar cruzado para fora. Aí veio o gol que definiria tudo, já aos 18 minutos. China João tomou de Hugo no corpo (acredite se quiser), tocou pra Chicha no meio e este abriu pra Bahia. Do biquinho da área, ele chutou de biquinho rasteiro e marcou o seu! 2 x 0!
 
Nos minutos finais, o Sexta-Feira provou que não era dia. Tentou e tentou mas nem o gol acertou. Fim de jogo e Entre Amigos garantido na liderança do Grupo B com a melhor campanha entre os 16 classificados – é o único 100% da competição – e no Chuteira 5 do semestre que vem. O Sexta fica em 2º lugar e encara o Chapiusky. Os amigos têm o Viela pela frente nas oitavas.

Ficha técnica

Entre Amigos 2 x 0 Sexta-Feira – 7ª rodada da V Copa Estrelato

Gols: Viola e Bahia (EA)

Cartões amarelos: Bruner, Chicha e Rogerinho (EA); Patrick e Beto (SF)

MVPs: 1 – Bahia (Entre Amigos); 2 – Saraiva (Sexta-Feira); 3 – Renan Moreira (Sexta-Feira)

Comentários

Total (0)