Notícias  » Jogos

VAI UMA FRUTA VERDE AÍ?

       

Kiwi consagra sua primeira vitória ao bater o Tocou é Caixa
Fruta verde que é doce como mel, mas é amarga que só fel, pelo menos, para o Tocou é Caixa, que foi derrotado por 3 x 2 para o Kiwi. Essa partida da segunda rodada da Estrelato registrou não só a primeira vitória dos tricolores, como foi acerba para os auri-negros, com a segunda derrota seguida.
 
Logo no início da partida, o Tocou é Caixa conseguiu uma falta perto da entrada da área. Rafinha cobrou atrás da barreira, Gravatinha apertou o laço ao bater forte no canto esquerdo, Guigo teria levado um nó na rede se não tivesse ido defender essa. Quase gol. Na sequência, Alemão apanhou a bola, olhou para baixo e partiu com tudo para a área adversária, fintou dois marcadores pela esquerda e cruzou sem olhar, justamente onde não tinha nenhum companheiro para aproveitar a bela jogada. A bola sobrou para os defensores que ligaram o contra-ataque...
 
A bola foi esticada para a esquerda, Thione, de dentro da área, girou e bateu um canhotaço, obrigando Guigo a mandar para a linha de fundo. Minutos depois, Lipe encontrava-se na entrada da área, a bola chutada por ele rebateu na defesa, na volta, o camisa 11 não errou, pois acertou um potente arremate no canto esquerdo de Rogerinho. 1 x 0! Em seguida, Pepa, na entrada da área adversária, recebeu um lançamento de sua defesa e fez um passe magistral de peito para o lado direito a Lipe, mas quando o camisa 11 tentou devolver, a bola foi interceptada pela defesa. Deu para ver o semblante de insatisfação de Pepa por não ter sua bela jogada concluída como ele queria.
 
De Paulo para Rafinha em cobrança de falta na entrada da área, o camisa 30 recebeu em excelentes condições, se sua chuteira tivesse uma bússola, não teria isolado a bola por cima da meta. No contra-ataque, Tida ligou a Alemão uma bola limpinha, era só bater e mandar beijos para a torcida, mas o jogador, ávido que estava, escorregou e deixou a redonda rolar para longe. Em nova jogada, Thida caminhou com a bola até a área adversária e chutou no meio do gol, Rogerinho não teve dificuldades para apanhá-la.
 
A partida já corria e muitas chances de ambos os lados eram frustradas pelas defesas ou mesmo porque os atacantes conseguiam perder bolas fáceis em passes errados. Minutos depois, o Cavaleiro das Trevas, Batman, cobrou escanteio dentro da área adversária e Rafinha apareceu de repente entre os beques, batendo de chapa, sem chances para Guigo. Jogo empatado. 1 x 1!
 
Após o gol, os dois times tornaram-se completamente apáticos, como se o empate já estivesse de bom tamanho. O resultado era péssimo para os dois, já que um ponto não seria bom para Tocou é Caixa, que já vinha de derrota, e para o próprio Kiwi, vindo de um empate. Seja como for, talvez tenham pensado que poderiam resolver a parada no segundo tempo.
 
De qualquer forma, a segunda etapa começou eletrizante. Rafinha cobrou uma falta pelo alto na área adversária, e Alemão cortou de cabeça, antes que a bola chegasse aos adversários que esperavam do lado direito. Em nova tentativa, Rafinha disparou pela esquerda e fez o cruzamento, Guigo não quis pagar para ver e saiu da meta para interceptar. Na jogada seguinte, Rafinha tirou Lum para dançar, tirou outro marcador da jogada e chutou, fraco, é verdade, mas longe do alcance de Guigo. Bola no canto esquerdo. Era o vira-vira! 2 x 1!
 
Foi aí que Lipe tentou resolver. Partiu pelo meio da quadra, tirou os marcadores de sua frente, e quando ficou cara a cara com o gol, chutou relativamente forte, a bola resvalou em Rogerinho, mas lhe escapou e já ia entrar, já a milímetros da marca fatal, o goleiro saltou e conseguiu ficar com a bola. Ufa! Quase.
 
Momentos depois, Lipe cobrou escanteio da esquerda para o centro, Rogerinho correu para espalmar, mas Bomba apareceu entre o goleiro e a bola e conseguiu deslocá-lo com um cabeceio de grande classe. Bola no fundo da meta. 2 x 2! Os jogadores do Kiwi ainda comemoravam, quando Gorda cobrou uma falta violenta do lado esquerdo, perto da área, a bola varou a barreira mal formada e pegou Rogerinho de surpresa, no canto direito. 3 x 2! E muita festa na quadra. Logo depois, Rafinha tomou a bola de Alemão e ele mesmo armou o contra-ataque, caminhou até a entrada da área e bateu confiante que entraria, só que Guigo não permitiu o empate, espalmando para a frente!
 
Numa jogada de contra-ataque em que todo o time do Kiwi foi pego com as cascas, isto é, com as calças nas mãos, Batman tinha o gol inteiro à sua frente, bem na entrada da área. O camisa 9 até poderia perguntar a Guigo o canto, mas não é que o jogador mandou por cima da meta sem ninguém pedir? Pois é, deve ter enxergado o Coringa sentado no travessão! No apagar das luzes, Volpe cobrou uma falta violenta da intermediária, Guigo estava bem colocado e espalmou de volta a jogo, mas antes mesmo da bola quicar no chão, a arbitragem deu por encerrada a partida.
 
Ficha técnica
 
Kiwi SP 3 x 2 Tocou é Caixa - 2ª rodada da VI Copa Estrelato
 
Gols: Lipe, Bomba e Gorda (K); Rafinha (2) (TC)
 
Cartões amarelos: Alemão e Balda (K)
 
MVPs: 1 – Lipe (Kiwi SP); 2 – Rafinha (Tocou é Caixa); 3 – Bomba (Kiwi SP)

Comentários

Total (0)