Notícias  » Jogos

DEIXARAM O DANONE PRO SEGUNDO TEMPO!

       

La Coruja segura a vantagem no primeiro tempo, mas leva a virada e acaba goleado pelo Danonight
A segunda rodada da Aço era marcada por alguns jogos com grande expectativa. Um deles era entre La Coruja e Danonight, duas equipes que haviam vencido na primeira rodada. Com um time bastante físico, o La Coruja abriu o marcador na etapa inicial em um golaço de falta de Gira. Porém, sucumbiu no segundo tempo e viu o Danonight vencer com facilidade, graças ao hat trick de Gagol. Sempre ele! No fim, placar de 4 x 1 para o campeão do Chuteira100|Chuteira 5. 
 
Assim que a redonda entrou em jogo, viu-se um Danonight tímido na cancha. Muito por conta da imposição física do La Coruja, os primeiros movimentos foram bem apertados na quadra. A primeira finalização veio com Guigou, que tentou o cabeceio e mandou por cima da meta defendida por Ronaldo. 
 
Do outro lado, a primeira chegada veio pela direita ofensiva. Mesmo demorando para soltar a bola, PZT conseguiu fazer a pelota chegar em Tchello, que fuzilou cruzado e viu Alemão pegar com o pé. Na sobra, Gira pegou de perna esquerda e Alemão pegou novamente. 
 
Pelo lado do Danonight, K10 chegou meio em cima da hora e começou a peleja entre os reservas. Até por isso, Quintal e Caio Mena eram os responsáveis pela saída de bola do Danonight, o que a deixava um pouco lenta. Mahana fazia o papel de atacante e brigava, no bom sentido, com os defensores do La Coruja. 
 
Sendo assim, como o jogo era bastante morno nesse comecinho no quesito chances, a primeira grande oportunidade surgiu após um erro de saída de bola. Guigou vacilou e entregou de bandeja para Guila, mas o LC 12 finalizou rasteiro e viu Alemão fazer boa intervenção. No escanteio gerado nesse lance, PZT ganhou no alto, deu uma casquinha e a bola tirou tinta da trave esquerda de Alemão. Quase o primeiro! 
 
Com a entrada de K10, Mahana passou a jogar mais na defesa para os laranjas. Dessa maneira, o time deu uma ajustada na quadra e começou a se soltar. Completamente sumido nos primeiros minutos, Gagol teve sua primeira chance quase com 10 minutos. Ele recebeu um bolão de Guigou e, meio sem ângulo, parou na defesa de Ronaldo. Era só um indício do que o danonight 99 faria...
 
Contudo, mesmo com o crescimento do Danonight na partida, quem abriu o marcador foi o La Coruja. Olha, não foi qualquer gol, não, foi uma tremenda pintura de Gira! Em falta cometida por Bruninho em cima de PZT, o professor Gira cobrou com maestria, de perna esquerda, e acertou a gaveta de Alemão! 1 x 0! Que pintura! 
 
O gol do La Coruja criou um cenário na partida. Os alvirrubros optaram por se defender de forma mais contundente e apostar nos contra-ataques. Em um que seria bom, a bola acabou pegando em sua mão e os juízes assinalaram falta. Dito isso, o controle do jogo foi começando a passar para o Danonight. 
 
Em tabelinha com Mahana, Bruninho exigiu uma bela defesa de Ronaldo. No lance seguinte, o Danonight entrou para o Inacreditável Futebol Clube. Em troca de passes lindíssima envolvendo K10, Gagol e Léo Braz, o danonight 7 achou Mahana completamente livre no segundo pau. Só que o danonight 3 perdeu quase sem goleiro! Logo depois, Bruninho experimentou de fora e carimbou o travessão!
 
Com a pressão aumentando, o La Coruja resolveu parar a partida. Na volta, mesmo com alguns minutos para a bola rolar, o jogo ficou mais morno. Um lance de perigo aconteceu logo na volta, quando PZT quase cometeu pênalti, mas os árbitros marcaram sua infração fora. Na cobrança, K10 carimbou a barreira. 
 
Para não falar que mais nada aconteceu, o La Coruja quase fez o segundo em lance de sorte. Na puxada rápida de contra-ataque, a bola passou por PZT e chegou em Victããããããããão. Na dividida com a zaga, a bola ricocheteou e quase foi para o gol. Que susto para a torcida volumosa do Danonight! 
 
Com Gagol no banco, a última bola da etapa inicial ainda foi com o La Coruja. Zé Love ia fazendo a festa pela direita da defesa e foi parado na base da falta por Bruninho. Rafa, o popular Hulk, bateu pra fora e os árbitros apitaram o final do primeiro tempo. 1 x 0 La Coruja! 
 
Na volta do intervalo, o que se viu foi um verdadeiro atropelo do Danonight. A laranja mecânica precisou de 15 minutos para marcar quatro gols e sair vitoriosa. Como ficou um bom tempo ausente dos gramados e é um time bem físico, o La Coruja acabou sucumbindo na etapa final. 
 
Logo que a bola voltou a rolar, Quintal e Mahana resolveram testar Ronaldo, que defendeu as duas com tranquilidade. No lance seguinte, Gagol teve uma oportunidade claríssima no escanteio e acabou parando em Ronaldo, quase dentro do gol! Parecia que não era dia do 99, mas só parecia…
 
Após receber de K10 e ficar cara a cara com Ronaldo, Gagol finalizou, viu o goleiro defender o primeiro chute à queima-roupa, mas pegou o próprio rebote e igualou o marcador! 1 x 1!
 
Sem a vantagem no placar e precisando “voltar a jogar”, o La Coruja não se achou dentro de quadra. Com muita fome pela virada, o Danonight seguia pressionando em busca do gol. Aliás, com a confiança do empate, o futebol de Gagol cresceu e ele começou a aparecer a todo instante. Primeiro, bateu outra bola forte de esquerda e viu Ronaldo, mais uma vez, fazer boa defesa! Com a pressão só crescendo, o La Coruja tentou pedir um tempo para frear o ímpeto do Danonight, mas não deu muito certo. 
 
Depois do erro na saída de bola no primeiro gol, o segundo contou com erro de marcação básico. Em lateral movimentado por K10, a bola foi jogada na entrada da área quase no pé de Gagol. Sem marcação, ele enquadrou o corpo e finalizou de prima! Belo gol e 2 x 1 no placar! 
 
A partir daí a coisa começou a ficar ainda mais azeda para o La Coruja. Isso porque, em questão de cinco minutos, saíram mais dois gols, o que liquidou a fatura. O 3 x 1 veio novamente com Gagol! O danonight 99 chegou ao hat trick na partida, e ao seu quinto gol na competição. No lance, Victããããããão errou a saída de bola de forma grotesca e deu logo no pé de quem? Gagol! Cheio de confiança, ele fuzilou no canto de Ronaldo!  Na sequência, foi a vez de Gagol dar a assistência e K10 balançar o barbante! Na bola lançada lá da defesa, pelo alto, Gagol deu uma linda casquinha para K10, que ficou na cara de Ronaldo e meteu uma cavada pra lá de estilosa, na bochecha da rede. 4 x 1! 
 
Assim como no texto, o que se viu em quadra foi um desaparecimento do La Coruja, que praticamente não incomodou no segundo tempo. Com a goleada estabelecida, Rafa ainda era o que mais tentava, mas não vivia uma manhã inspirada. 
 
Dessa forma, a reta final de jogo se desenhou no ritmo de Caio Mena, que, apesar de não ter aparecido ofensivamente, colocou os últimos minutos no bolso e garantiu o resultado largo. Fim de papo! Novo triunfo do Danonight e vice-liderança da chave, atrás do Roleta Russa pelo saldo de gols. Já o La Coruja estacionou nos três pontos e está em quarto lugar. 
 
Ficha técnica
 
La Coruja 1 x 4 Danonight – 2ª rodada do XV Chuteira de Aço
 
Gols: Gira (LC); Gagol (3) e K10 (D) 
 
Cartões amarelos: PZT (LC) e Quintal (D) 

MVPs: 1 - Gagol (Danonight); 2 - K10 (Danonight); 3 - Gira (La Coruja) 

Comentários

Total (0)